• Autor Tünde Farrand
  • Ilustrador
  • Coleção Tünde Farrand
  • ISBN 9789895640003
  • PVP 18,79 € (IVA incluído)
  • preço fixo até fim de novembro de 2020
  • 1ª Edição maio de 2019
  • Edição atual 1.ª
  • Páginas 352
  • Apresentação capa mole
  • Dimensões 150x230x20 mm
  • Idade

 

«Terra de Lobos irá causar-lhe arrepios com a ideia de um mundo tão cruel e doentio. Tünde Farrand é mestre na criação da distopia e das suas perturbadoras previsões.» - Revista Buzz

Londres, 2050. A crise socioeconómica terminou e as políticas de incentivo ao consumismo não param de surgir.

Ser proprietário de terrenos fora da cidade é privilégio de uma elite, sendo que a restante população apenas obtém o seu Direito de Residência se o dinheiro que gastar for suficiente para alcançar um dos patamares do estatuto de Consumidor.

O envelhecimento foi abolido graças a uma nova e radical abordagem, que substitui a reforma por uma feliz eutanásia num Dignitorium, embora os mais desfavorecidos sejam deixados à sua sorte, longe da vista daqueles que efetivamente contribuem para a sociedade.

Alice é uma Consumidora Média. Depois do desaparecimento de Philip, arrisca-se a perder a casa e o seu estatuto social, começando a pôr em causa a sociedade em que foi criada e que o próprio marido ajudou a construir. Na demanda pelo paradeiro de Philip, ela acaba por descobrir algumas verdades horrendas acerca do que aconteceu à sua família no passado e da crueldade que se esconde por detrás da nova hierarquia social.

Terra de Lobos é uma poderosa visão distópica, no espírito de Black Mirror, que agradará a fãs de História de uma Serva e Nunca me Deixes.

Tünde Farrand cresceu em Debrecen, uma cidade húngara fervilhante em termos de cultura e um importante núcleo literário.

Viveu, estudou e trabalhou em vários países, antes de se estabelecer no Reino Unido, em 2005, onde continuou a trabalhar como especialista de línguas e professora de Línguas Modernas. Em 2016, fez uma pós-graduação em Escrita Criativa, na Sheffield Hallam University.

À sua paixão pela escrita junta-se o gosto por cinema europeu e japonês, yoga, boxe e halterofilismo. Vive com o marido em Sheffield.