logo

À Nossa Hora

  • Home
  • /
  • Catálogo
  • /
  • À Nossa Hora
pdf Veja por dentro
  • Autor
  • Coleção
  • ISBN 9789895644353
  • PVP 17.69 € (IVA incluído)
  • preço fixo até
  • 1ª Edição março de 2021
  • Edição atual 1
  • Páginas 320
  • Apresentação capa mole
  • Dimensões 150x230x21 mm
  • Disponibilidade
    Disponível
  • Comprar

«Uma comédia romântica fresca, inteligente e moderna. Um romance visto pelos olhos de uma cética. Fiquei completamente rendida.» - Beth O’Leary, autora de Apartamento Partilha-se e A Troca

Ele apanha o metro sempre a horas.
Ela anda quase sempre atrasada.
Só o destino dirá se alguma vez
Se irão encontrar.

Todos os dias, sem falha, Nadia tenta apanhar o metro das 7h30. Só que há manhãs em que não acorda a tempo e outras em que se deixa ficar a dormir na casa da amiga Emma, depois de uma noite de conversa bem regada a vinho… Daniel apanha sempre o metro das 7h30. Não tem qualquer problema em acordar a horas porque não consegue dormir bem desde a morte do pai. Ainda que muitas vezes andem desencontrados, Daniel repara em Nadia numa das ocasiões em que ela não perde o metro.

E é num desses dias que Nadia se depara com um intrigante anúncio na secção Ligações Perdidas do jornal diário: Para a loura arrasadoramente gira na linha do Norte, com manchas de café no vestido. Sou o tipo que está junto às portas da tua carruagem. Bebemos um copo um dia destes? Quem será a afortunada destinatária de tais palavras? Emma está convencida de que o anúncio é dirigido a Nadia, mas ela não se tem em tão boa conta. Afinal, o que haveria de a fazer sobressair no meio de tantas outras mulheres que entornam o café por cima da roupa no metro?

«A história de amor alegre, romântica e otimista que não pode faltar na mala de nenhuma de nós!» - Revista Red

 

Também disponível em eBook:

Apple Books 

Google Play

Kindle

Kobo

Wook

Laura Jane Williams é natural de Derbyshire, Inglaterra. Concluiu com distinção os cursos de Escrita Criativa e de Escrita para os Media na Universidade de Derby. Para financiar os estudos, dava aulas de Inglês como Língua Estrangeira nas férias e vendia carrinhos de bebé numa conhecida cadeia de lojas da especialidade.

Escreveu para vários sites e publicações, como o The Telegraph, a Stylist, a Closer, a Metro e o Buzzfeed.  Estreou-se na ficção com À Nossa Hora, depois de dois livros de não-ficção: Becoming e Ice Cream for Breakfast. A sua obra está traduzida para 12 idiomas, em 18 países.