logo

Os Filhos de Deus

  • Home
  • /
  • Catálogo
  • /
  • Os Filhos de Deus
pdf Veja por dentro
  • Autor
  • Coleção
  • ISBN 9789896689438
  • PVP 18.79 € (IVA incluído)
  • preço fixo até
  • 1ª Edição maio de 2020
  • Edição atual 1
  • Páginas 384
  • Apresentação capa mole
  • Dimensões 150x230x25 mm
  • Disponibilidade
    Disponível
  • Comprar

Por detrás de um fenómeno milagroso esconde-se uma ameaça que poderá mudar a igreja católica para sempre.

Três milagres

Em diferentes pontos do mundo, três adolescentes engravidam. Todas se chamam Maria e todas são virgens. Cal Donovan, professor de Harvard especializado em Religião e Arqueologia, é convocado pelo Papa Celestino IV para investigar estes acontecimentos. Será possível que as jovens tragam nos ventres os Filhos de Deus?

Um possível rapto

George Pole, um cardeal americano conservador que discorda dos ideais progressistas do Papa, ameaça fazer uma declaração de oposição pública à Igreja Católica caso as três virgens não sejam reconhecidas como milagrosas, o que poderia originar um novo cisma. Porém, antes de Cal ter oportunidade de investigar todas as raparigas, as três desaparecem.

Uma instituição milenar em risco

Enquanto tenta encontrar as jovens e descobrir a verdade, Cal apercebe-se dos interesses escondidos por detrás do aparente milagre. Poderá este acontecimento promover uma renovação de fé ou será responsável pelo desmoronar da Igreja Católica?

«Para os fãs de O Código da Vinci.» - Publishers Weekly

Glenn Cooper nasceu em Nova Iorque e formou-se inicialmente em Medicina, tirando posteriormente o curso de Arqueologia. Em 2006, começou a escrever, tendo-se tornado de imediato um autor bestseller internacional.

Os seus romances — thrillers intelectuais e de conspiração, frequentemente inspirados em factos históricos reais — foram traduzidos para mais de 30 línguas e venderam mais de 6 milhões de exemplares.

Vive em New Hampshire e dedica-se à escrita a tempo inteiro.

Livros publicados


O Sinal da Cruz (Glenn Cooper)

    «Glenn Cooper não é um escritor de thrillers vulgar, mas um que levanta grandes questões.» - Sunday Telegraph